Emicida, coesão e dinâmica

emicida-crisantemo

Resolvi dar uma chance (como se minha atenção fosse fazer falta!) ao trabalho do rapper Emicida no começo desse último dezembro e, consequentemente, ao seu último trabalho “O glorioso retorno de quem nunca esteve aqui”. Sempre o via em alguns programas de TVs, ou ouvia falar sobre o seu trabalho através de alguns amigos e conhecidos, mas nem sua cara de bom moço me despertava a curiosidade. Eu não entendia a comoção diante do trabalho desse cara. Talvez ou por nunca o gênero hip hop me atrair ou por que, nesses últimos tempos, eu estar absorto em jazz. Muitos talvez e pouca resposta. O que importa, mesmo, é que nunca dei bola e tão pouco quero ficar me redimindo aqui. Até mesmo porque só dei essa “chance” após ver seu último trabalho

nas listas dos melhores discos de 2013. E do alto do meu pré e preconceito e falta de conhecimento, fiquei muito curioso e de “nariz torcido” para saber o que realmente levou um disco de hip-hop a ser considerado um dos melhores do ano.

Falha minha. Foi um tapa na cara e uma grata surpresa!

Estava gostando das misturas sonoras em suas músicas, R&B, rock, samba, e pensei que fosse ficar nessa bela mistureba que o Hip Hop, pelo o pouquíssimo que conheço, sabe fazer para deixar fluir a letra de seu rap. Mas nada que me surpreendesse, que “estourasse minha cabeça”. Até tocar “Crisântemo”. Quando tocou “Crisântemo”, continuou a tocar por muitas vezes.

Reouvindo-na agora, após ver o clipe,  a minha sensação não mudou: foi a de ouvir não simplesmente um música bem produzida, mas, sim, uma trilha sonora de uma história dramática e trágica. As notas chorosas (sic!) do choro no violão e no cavaquinho; o ritmo dramático bem marcado pelo tamborim, surdo e outros elementos percussivos; o elementos eletrônicos etéreos; a certeira interpretação da letra acompanhado a dinâmica da música são de uma coesão certeira. E essa sensação aumenta ao ouvir a triste narração ao final da canção.

 

Ouça Crisântemo https://soundcloud.com/emicidacachoeira/emicida-crisantemo

Veja o clipe de Crisântemo

Advertisements

Tags: , , , , ,

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: